Agradecimentos ao site http://indicetj.com pelo espaço.

 

ISAÍAS 56:12

"Vinde, dizem eles, traremos vinho (yayin) e beberemos bebida forte (shekar);

e o dia de amanhã será como este e ainda maior e mais famoso."

Análise:

É verdade que estas palavras foram ditas pelos pecadores israelitas. Será que devemos discernir disso que é pecado até mesmo o simples beber vinho e bebida forte? Será que é essa realmente a mensagem que o texto quer transmitir? Repare como o versículo foi traduzido em diversas Bíblias:

1

Almeida Revisada

 “Vinde, dizem, trarei vinho, e nos encheremos de bebida forte; e o dia de amanhã será como hoje, ou ainda mais festivo.”

2

Almeida Revista e Atualizada

“Vinde, dizem eles, trarei vinho, e nos encharcaremos de bebida forte; o dia de amanhã será como este e ainda maior e mais famoso.”

3

Matos Soares

“Vinde (dizem eles), bebamos vinho, enchamo-nos até à embriaguez; e, como hoje, assim faremos também amanhã, e ainda muito mais.”

4

Nova Tradução na Linguagem de Hoje

"Eles dizem uns aos outros: 'Vamos procurar vinho e cerveja e cair na bebedeira. Amanhã, faremos a mesma coisa, e ainda mais do que hoje!'"

Portanto, estas palavras não tratam do beber equilibrado, cauteloso.

Na Bíblia, o beber vinho e bebida forte é colocado em luz desfavorável apenas quando ingerido imoderadamente, tornando o bebedor repreensível à vista de Deus. O Dicionário Internacional de Teologia do Antigo Testamento, editado por Harris, Archer e Waltke, 1998, página 1024, diz sobre este versículo:

“Isaías... lamenta que os supostos pastores das ovelhas, os líderes de Israel, se entregaram ostensivamente à bebedeira, dessa maneira expondo o rebanho a um grande perigo da parte do inimigo.”

Não tenha nenhuma dúvida, caro leitor, de que os israelitas considerados aqui não eram exemplos de bebedores equilibrados e controlados que tomavam apenas pouca bebida em respeito às advertências bíblicas contra a ebriedade. O contexto bíblico imediatamente anterior, isto é, o versículo 11, indica uso abusivo da bebida quando revela sobre eles: “são gulosos, não se podem fartar”... “cada um para sua ganância”.

Assim, leitor, ninguém precisa ficar preso a certa interpretação dogmática de uma religião restritiva e não bíblica quanto ao uso de bebidas alcoólicas.

 

CLIQUE - ÍNDICE ESTUDO SOBRE BEBIDAS ALCOÓLICAS

Gostaria de conhecer seu comentário sobre os estudos das bebidas alcoólicas.

Escreva para emverdade@yahoo.com.br