Um Ex-Testemunha

Tentando Ajudar uma Amiga Testemunha de Jeová

©Timothy Campbell

Traduzido Fábio Pacheco

"Muitas das cartas recebidas neste web site são de pessoas que já não são mais Testemunhas de Jeová, (ou nunca foram), mas gostariam de ajudar alguém a sair. Aqui estão listadas algumas das respostas enviadas a pessoas que perguntaram sobre isto."

 

Sobre como poder ajudar sua amiga, penso em duas atitudes possíveis.

  • Uma aproximação seria confrontá-la repetidamente com as inconsistências da doutrina das Testemunhas.

  • Outra aproximação seria confrontá-la ocasionalmente com as inconsistências.

Poderia soar como uma distinção secundária, mas é importante. A melhor aproximação depende de quem é a pessoa. Algumas pessoas encaram advertências ininterruptas como um "ataque" a fé delas, (de acordo com o protocolo da Sociedade) e o evitarão, como a um apóstata, ou até mesmo como um agente de Satanás. Porém, se sua amiga não está muito envolvida com as Testemunhas, um ininterrupto (porém cortês) debate poderia funcionar.

A segunda aproximação (i.e. ocasional, porém firme) é uma escolha segura, caso a pessoa o evite por expressar duvidas.

Você tem alguns fatores que atuam a seu favor: (1) foi você quem trouxe sua amiga às Testemunhas; (2) ela é sua amiga, e provavelmente não está ansiosa em evitá-lo.

Desnecessário dizer, que qualquer que seja seus métodos, você deveria agir de maneira encorajadora e atenciosa. A Testemunha, como todos os grupos de alto-controle, estão mais atentos a emoção que a lógica. Você realmente não está envolvido em uma batalha intelectual. A doutrina da Sociedade sucumbe bastante facilmente a lógica, como eu estou seguro que você notou. Mas se você não puder substituir o benefício emocional de pertencer a algo, você não poderá ajudar sua amiga a sair. Deixe claro para ela que embora você não concorde com a doutrina de Sociedade, você a ama.

Tente sempre ser amável e tranqüilo, quando você discutir o assunto. Se ela sentir que você é um partidário infeliz, em sua decisão de deixar as Testemunhas, ela poderá não querer seguir seu exemplo, não importa quão convincente seja sua lógica.

Eu realmente era muito feliz, quando fui uma Testemunha de Jeová (ainda bem...) Porém, eu não tive escolha, senão abandonar o êxtase e encarar a realidade, independente do custo emocional. Isto não foi uma escolha para mim; eu não poderia agir de outra forma. Mas a maioria das Testemunhas tem uma escolha: elas podem se fechar para uma analise crítica. Realmente, a Sociedade lhes ensina a fazer o que chamam de "evitar o pensamento independente."

Previna-se de debates doutrinais demorados. Estes são armadilhas do qual nenhuma parte pode escapar. A Bíblia é suficientemente vaga em alguns pontos, de modo que você pode discutir eternamente, baseado em alguns critérios. Sua melhor aposta é contar com o amor dela pela verdade, (se é particularmente forte no caso dela), o afeto dela por você, e o poder de seu exemplo.

Eu espero que alguma dessas recomendações possam ser úteis a você.

 

Confira os mais de 800 artigos críticos sobre as Testemunhas de Jeová!