Um ‘testemunho’ para o futuro à medida que a Torre de Vigia compra terras ao norte

A ‘Witness’ to the future as Watchtower buys land upstate (By Evan Gardner)

The Brooklyn Paper - 2 de abril de 2009

Tradução: Helder Carvalho

 

Primeiro vieram as vendas, depois a grande jogada.

Após 5 anos de vendas de centenas de milhões de dólares de investimentos imobiliários localizados em Brooklyn Heights e Dumbo, as testemunhas de Jeová finalmente compraram algo grande: 248 hectares ao norte do estado.

A Terra Prometida (para testemunhas, pelo menos) tem nome: Ramapo, NY.

The Brooklyn Paper

Gregory P. Mango

No mês passado, a seita, oficialmente conhecida como Torre de Vigia de Bíblias e Tratados, mais conhecida mundialmente por sua edição bíblica e proselitismo de porta em porta, comprou o terreno Ramapo, a sua terceira e maior aquisição no norte de Nova Iorque dentro de muitos anos.

O local de 11,5 milhões de dólares abrigará no futuro mais da metade da equipe administrativa da organização, de 1500 pessoas, que no momento estão localizadas em Brooklyn Heights e Dumbo, de acordo com um porta-voz.

Até o momento, a Torre de Vigia tem definido que a sua sede principal permaneceria em Brooklyn, mas a mudança de pessoal parece indicar o contrário.

“Nós gostaríamos de construir um complexo trabalhista para cerca de 850 pessoas ao norte”, disse Richard Devine. “No momento, o terreno está zoneado para casas residenciais, por isso fizemos uma proposta à cidade para re-zoneá-lo. A construção está prevista para vários anos no futuro.”

Até agora, as instalações residenciais e de publicações em Brooklyn permanecem separadas. Combinar ambas as instalações no norte do estado criaria um conglomerado religioso amplo e centralizado.

A mudança a ocorrer não é inesperada. Por mais de quatro anos, as testemunhas de Jeová vêm promovendo uma série de vendas de proporções bíblicas, incluindo:

  • Furman Street, 360, um edifício de 14 andares, que foi vendido em 2004 por $205 milhões de dólares e está no momento sendo reformado com todo o luxo para transformar-se no prédio One Brooklyn Bridge Park (algo como Parque Um da Ponte do Brooklyn).

  • Livingston Street, 67, uma torre histórica de 26 andares que foi vendida por $18,6 milhões de dólares em 2006.

  • Columbia Heights, 169, também conhecido como Standish Arms, um pretensioso edifício de 12 andares que foi vendido por $50 milhões de dólares em 2007.

  • A jóia da coroa das testemunhas – o Bossert Hotel na Montague Street – que não foi vendido porque o possível negociador desistiu da compra.

As testemunhas ainda possuem uma dúzia de propriedades, ou mais, nesta área, incluindo quatro grandes edifícios de escritórios e dois grandes estacionamentos – que tiveram uma lucrativa valorização residencial – em Dumbo.

O grupo é respeitado entre os negociadores de imóveis pela sua sagacidade nos negócios, as condições excelentes em que suas propriedades são mantidas, e um histórico de manter suas cartas bem junto ao peito (uma maneira de dizer: proteger informações privilegiadas).

(...)

“Não temos planos de vender quaisquer propriedades [no Brooklyn] em um futuro próximo”, disse Devine.

© 2009 THE BROOKLYN PAPER
 

Nota do tradutor:

Compare com:

Mateus 6:19-21:

Parai de armazenar para vós tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem consomem, e onde ladrões arrombam e furtam. Antes, armazenai para vós tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde ladrões não arrombam nem furtam. Pois, onde estiver o teu tesouro, ali estará também o teu coração.”

Será que a aquisição de tanto dinheiro e propriedades é esperada de seguidores de Jesus? Aqueles que querem imitar a Cristo agiriam como a Torre de Vigia?