Crescendo dentro da Torre de Vigia

Como os pais são influenciados para criar seus filhos

por Randall Watters

 

Um dos papéis fundamentais dos pais em qualquer sociedade é amoldar o pensamento e aspirações de suas crianças para o futuro. Pais que são Testemunhas de Jeová são admoestados para serem especialmente agudos em guiar suas crianças para longe de qualquer envolvimento desnecessário no "mundo", objetivando dedicar mais tempo ao trabalho de esparramar as doutrinas da Torre de Vigia. Desde o inicio da Sentinela em 1879, tem sido dito à seus leitores que o "fim do mundo" está esperando na esquina, e este evento especificamente foi predito durante os anos de 1914, 1915, 1918, 1925 e fortemente sugerido para 1941 e 1975. Em 1941 a Torre de Vigia publicou o livro "Crianças" no qual em caracteres fictícios João e Eunice desistem de ter filhos para ir de porta em porta no curto tempo restante antes do Fim.

 

Décadas passaram, João e Eunice ainda estão sem filhos em seus 70 anos, e o mundo ainda não acabou. Igualmente hoje em dia, a Torre de Vigia ainda está encorajando o jovem para sacrificar carreiras, e até mesmo evitar o matrimônio se os fizer mais bem sucedidos no "curto tempo" que resta antes do Fim. Que futuro é oferecido para a juventude hoje na sub-cultura das Testemunhas? 

Publicamente, a Sociedade Torre de Vigia gosta de passar uma imagem de jovens felizes e normais entre sua organização. Embora muitos jovens Testemunhas pareçam estarem bem ajustados e terem aspirações normais, esses apresentados como modelos nas congregações são frequentemente disfuncionais em suas vidas pessoal, alguns até mesmo levando uma vida dupla, moralmente falando. Qual é o futuro retido pela Torre de Vigia para sua mocidade?

A imagem pública é bem demonstrada no folheto da Sociedade Torre de Vigia, Preparados para Casos de Custódia de Crianças (distribuído pelo departamento legal da Sociedade como uma ajuda em batalhas na custódia de crianças). O folheto encoraja a seleção de um jovem Testemunha "com mentalidade espiritual" pelo ancião presidente da congregação local para testemunhar e mostrar que eles são "normais" O folheto acautela sobre o ensaio:

"Tenha cuidado que eles não passem a impressão que estão em uma demonstração na Assembleia de Circuito, quando eles demonstram que as primeiras coisas na vida são o serviço [pregação de porta em porta] e participação no Salão do Reino. Mostre passatempos, artes, atividade social, jogos esportivos, e especialmente planos para o futuro. Tenha cuidado que eles não digam que almejam ser pioneiros [evangelistas de porta em porta de tempo integral]. Planos podem envolver o comércio, casar e ter filhos, jornalismo, e todo tipo de outras coisas. Talvez se possa demonstrar interesse em arte e teatro." (pág. 43) 

Em uma Assembleia de Circuito das Testemunhas (grande ajuntamento religioso), a mocidade de Testemunhas vai verdadeiramente mostrar que os interesses primários deles é religioso. Porém, no Tribunal, a juventude é aconselhada para enfatizar atividades "normais" e uma carreira futura "normal." Em vez de pioneiros, eles deveriam indicar interesses regulares que outras crianças tem, como jornalismo, arte e o teatro, etc. A Torre de Vigia está promovendo uma imagem assim ao público (de serem iguais à outras crianças) e outra no Salão do Reino (de sacrificar carreiras e desejos pessoais para advertir outros da iminência da mensagem da Torre de Vigia). 

O seguinte são citações em literaturas das Testemunhas que mostram o que é ensinado de fato para a jovem Testemunha, tanto por exemplo como declaração direta. O material em parênteses é adicionado para clarificar o significado ou explicar o sentido. É acrescentado ênfase em algumas citações para chamar atenção para pontos chaves.

 

Na Proximidade do Novo Mundo: 

Importante, esta revista gera confiança na promessa do Criador de um novo mundo pacifico e seguro antes que a geração que viu os eventos de 1914 desapareça." [Esta declaração apareceu na página de conteúdo de todas as revistas Despertai] 

"... hoje, a maioria dos da geração de 1914 faleceram... as palavras de Jesus se tornarão realidade, "esta geração certamente não passará até que todas estas coisas ocorram." Esta ainda é outra razão para acreditar que o dia de Jeová é iminente." Despertai!, 8 de Abril de 1988, pág. 14. [Na convicção das Testemunhas, o Armagedon e o Novo Mundo chegariam sem duvida antes da geração de 1914 passar. Este mundo presente deve ser destruído antes que esta nova ordem Mundial se torne realidade. Só esses associados com a organização das Testemunhas podem ter alguma esperança para sobreviver do Armagedon para o Novo Mundo.]

[Uma jovem Testemunha francesa chamado Samuel é citado com aprovação aparente:] "Durante o ano 2000, eu visualizo um mundo transformado em um lindo paraíso ! Mas eu não penso que ou o mundo presente ou suas regras viverão para ver aquele dia.... Nós estamos vivendo nos últimos dias deste sistema de coisas." Despertai!, 8 de Novembro de 1986, pp. 78. 

O Ensino Superior é Desencorajado: 

"Se você for uma pessoa jovem, você também precisa encarar o fato que nunca envelhecerá neste sistema presente de coisas. Por que não? Porque toda a evidência em cumprimento da profecia na Bíblia indica que este sistema corrupto está fadado ao fim em poucos anos. Da geração que observou o começo dos últimos dias em 1914, foi predito por Jesus: "Esta geração de modo algum passará até que todas estas coisas ocorram." 

"Então, como jovem, você nunca cumprirá qualquer carreira que este sistema oferece. Se você está na escola secundária e pensando em uma educação de faculdade, significa pelo menos quatro, talvez até mesmo seis ou oito anos mais para se formar em uma carreira especializada. Mas onde este sistema de coisas estará antes desse tempo? Estará bem a caminho para seu fim, de fato! 

"Isto é porque pais que baseiam suas vidas na Palavra profética de Deus acham muito mais prático dirigir seu jovem em negócios que não requeiram tais períodos longos de instrução adicional....

"Verdadeiramente, esses que não entendem onde nós estamos na corrente do tempo do ponto de vista de Deus achará isso não prático. Mas o que é realmente prático: preparar-se para uma posição neste mundo que logo perecerá? ou trabalhar para sobreviver a este fim de sistema e desfrutar a vida eterna na nova ordem íntegra de Deus? " Despertai!, 22 de Maio de 1969, pág. 15. [Embora isto fosse escrito em 1969, esta política ainda é endossada... como pode ser visto nas referências seguintes.] 

Debaixo do subtítulo "Alternativas para a Universidade" no artigo intitulado "Os Jovens Perguntam... Como eu Escolho uma Carreira? " (Despertai!, 22 de Março de 1985, pp. 1718) eles dizem: 

"Depois de consultar seus pais , muitos jovens decidiram contra a educação à longo prazo por causa da incerteza do futuro. O tempo restante é reduzido, diz a Bíblia.... [Treinamento vocacional na escola secundária é então recomendado.] 

A visão Cristã quanto ao futuro também deveria afetar a escolha dele de carreira. Com o transcurso do mundo, uma carreira fundada em ambições mundanas é muito irrealista. A profecia Bíblica indica que esta carreira teria vida-curta. 

"Por isto, muitas pessoas jovens entre as Testemunhas de Jeová estão escolhendo uma carreira de tempo integral na instrução Bíblica... um trabalho voluntário de ajudar as pessoas à entender a Bíblia. "Mas", você pode perguntar, "como alguém pode ganhar dinheiro desse modo?" Para se sustentar financeiramente, primeiro, muitos receberam treinamento prático em algum tipo de comércio."

 

O manual para a Juventude das Testemunhas, "Perguntas que os Jovens Fazem,: Respostas que Funcionam" gasta quatro páginas desencorajando uma educação universitária. (pp. 175-179), ele conclui: 

"Devido a estes fatos, muitos jovens Cristãos decidiram contra uma educação universitária. Muitos acharam que o treinamento oferecido nas congregações das Testemunhas de Jeová ... a Escola do Ministério Teocrático semanal em particular... tem dado a eles uma estrutura real para encontrar um emprego." 

Ao término deste capítulo estão cinco perguntas que revelam o tom da argumentação encontrada neste livro: "Porquê carreiras seculares frequentemente falham em trazer felicidade pessoal? Porquê os jovens tementes a Deus deveriam considerar a carreira no ministério de tempo integral? Quais são os benefícios reivindicados no ensino superior, e tais reivindicações sempre se realizam? Que perigos poderia haver na educação universitária? Que alternativas para a educação universitária a mocidade poderia considerar? " (pág. 179) 

A Sentinela de 15 de Abril de 1986, (pp. 28-30) disse para o jovem Testemunha: "Enquanto você pensa em seu futuro, algumas duvidas passam por sua mente. Eu deveria ir para uma universidade e buscar uma carreira como doutor, advogado, ou um cientista? O sonho de subir a escada incorporada ao sucesso financeiro e reconhecimento me intriga? Eu me tornaria um nome famoso nas artes ou pintura? Ou, como um jovem dedicado à Jeová Deus, eu deveria escolher o ministério de tempo integral como minha carreira vitalícia...? "

Depois de apresentar dois testemunhos... um de um jovem que deixou os estudos universitários após se unir às Testemunhas, de forma que ele pudesse ser pioneiro (trabalho de pregação de tempo integral), e de outro jovem que começou a ser pioneiro em seu último ano de escola secundária... o artigo conclui: 

"Jovem, como você usará seu futuro? Para si próprios ou completamente para Jeová? Orem e considerem a meta de serviço de tempo integral agora, em sua juventude. Imite à Jesus por viver o resto de sua vida "para a vontade de Deus". Isto provará ser uma proteção das ambições mundanas prejudiciais, carreiras, e associações. Analise suas circunstâncias e estabeleça uma data específica como meta para entrar no serviço de tempo integral. Trabalhe para isto. Reze pela ajuda de Jeová para atingir este objetivo." [Procurar uma "carreira mundana" é visto como egoísmo, ao invés da meta de serviço de tempo integral  "para Jeová." A ideia que Deus poderia chamar alguém para uma carreira secular que poderia ser dedicada à glória dele, é estranha à Sociedade Torre de Vigia.]

 

Comece o Preparo para uma Carreira no Ministério antes de se Graduar na Escola: 

"Manter em mente o valor limitado do exercício físico e o benefício superlativo da devoção espiritual o ajudarão a tomar decisões equilibradas referentes as atividades escolares.... 

"E sobre usar seu tempo para ajudar outros espiritualmente? De forma interessante, alguns jovens entre as Testemunhas de Jeová no Japão começaram a efetuar seu ministério enquanto ainda estavam na escola. Eles "compraram" tempo antes e depois da escola para ajudar outros à conhecer o Criador." [Do artigo: Os Jovens Perguntam... E sobre atividades após à escola? " Despertai!, 8 de Dezembro de 1986, pág. 18. Atividades extracurriculares são desanimadas. "serviço" de porta em porta é recomendado em seu lugar "antes e depois da escola".] 

O Celibato é Recomendado: 

"Disponibilizar seus anos como um Cristão solteiro para fazer o melhor possível no serviço de Jeová trará satisfação presente e paz mental. Fazendo assim, contribuirá também para sua maturidade espiritual e estabilidade. Se você permanecer solteiro pela causa do Reino até o fim deste sistema ruim de coisas, Jeová não esquecerá de seus esforços ego-sacrifício para o serviço sagrado dele.

"Se você procura diligentemente pelos interesses do Reino [atividades religiosas como o trabalho de porta em porta e assistir às reuniões congregacionais] como homem ou mulher solteiro, você desfrutará muitas bênçãos. Então se você se casar mais tarde em vida, você entrará no matrimônio com maior experiência de vida e espiritual." [Do artigo "Ficar Solteiro... Um Modo Recompensador de Vida." Sentinela, 15 de Novembro de 1987, pág. 20.]

 

É Recomendado não ter Filhos 

A Sociedade Torre de Vigia não tem nenhuma política declarada relativo a natalidade. Eles declaram que a decisão para ter crianças é uma questão pessoal. Mas, eles de fato lembram aos pares da proximidade do Fim e recomendam que permaneçam sem filhos, "pela causa do Reino", para ter uma participação mais plena dentro das atividades religiosas das Testemunhas. 

"Alguns casais jovens decidiram permanecer sem filhos. Embora as esposas tiveram fortes instintos maternos como em outras mulheres, decidiram elas, de acordo com seus maridos, se abster de ter crianças para se dedicar e servir Jeová em tempo integral. Muitos deles serviram como pioneiros ou missionários... 

"Muitos casais ao redor do mundo renunciaram as alegrias da paternidade para poderem servir à Jeová no trabalho de circuito, no trabalho de distrito, ou em Betel. [Permanecer sem filhos é uma condição para continuar nestas posições responsáveis.] Estes olham para trás com satisfação por ter gasto suas vidas servindo à Jeová e seus irmãos nestes privilégios especiais. Eles não têm nenhum pesar. Enquanto não tiveram a alegria de trazer crianças neste mundo, eles fizeram um papel vital avançando nos interesses do Reino em vários campos de atividade... 

"Assim o assunto do controle de natalidade neste tempo do fim é uma questão pessoal que cada par tem que decidir por si mesmo. Porém, desde que o tempo restante é reduzido, casais fariam bem em pesar cuidadosamente os prós e contras de ter crianças nestes tempos" Sentinela, 01 de Março de 1988, pp. 25 26.

 

Pais são Encorajados à Fixar Metas de Pioneiros para os Filhos, ao Invés da Faculdade. 

O Ministério do Reino de Maio de 1973, pág. 6 (debaixo do subtítulo "O Encorajamento dos Pais) diz: 

"Às vezes o desejo do coração para o que é bom precisa ser fortalecido. Pais podem fazer muito para ajudar suas crianças nesta consideração... 

"Um ancião na Coréia encorajou suas quatro crianças para serem pioneiros. Em uma Assembleia de Circuito [Grande ajuntamento religioso das Testemunhas] ele foi entrevistado junto com suas crianças. A filha mais velha relacionou como ela tinha tido a nota mais alta de sua escola secundária. Ela quis ir em um certo ponto para a faculdade. Porém, o pai dela a informou que, enquanto ela era livre para escolher tal curso, ela não poderia esperar o apoio financeiro dele. Ela mudou sua mente sobre a faculdade, e agora está desfrutando muitas bênçãos como uma pioneira. O próximo mais velho, um filho, contou como uma vez ele quis ir para a faculdade e seguir um curso mundano. Mas o pai dele se sentou e revisou a Bíblia com ele. O pai dele também lhe falou que, se ele teimasse em seguir um curso mundano, ele também teria que achar outro lugar para viver. Ele atendeu a deliberação do pai e agradece que seu pai foi amável porem firme em sua posição. As duas crianças mais jovens explicaram que eles ficaram impressionados pelo que aconteceu aos dois irmãos mais velhos. Desde o princípio eles planejaram se tornar pioneiros. O filho mais jovem deixou a educação na escola secundária para ser pioneiro."

Na Sentinela de 15 de Janeiro de 1952, [pág. 47], os pais foram aconselhados: 

"Sugira que eles se tornem pioneiros nas férias [um compromisso mensal de proselitismo de 75 horas de porta em porta] durante as férias de verão... A carreira mais alta que você pode planejar para suas crianças é o serviço de tempo integral como um ministro. ["Ministro" aqui recorre ao trabalho de pregar de porta em porta.] Trabalhe e planeje em como ajudá-los na carreira mais feliz e bem sucedida." [Embora este artigo tenha quase 40 anos, as Testemunhas ainda hoje seguem esta prática. Muitas Testemunhas foram criadas nos anos de 1950 e 1960 por este conselho e adiaram o matrimônio e também adiaram ter filhos depois do matrimônio, de forma que pudessem ter mais tempo para dedicar à seu trabalho de conversão. Alguns ainda são solteiros ou sem filhos. A maioria dos que se casaram eventualmente e tiveram filhos acharam que estava muito tarde para começar uma carreira profissional. Ainda assim, estes estão criando seus filhos para a meta de ministério de tempo integral. 

Carreira Teatral Desencorajada para a Testemunha:

Na Despertai! de 8 de Agosto de 1983 (pp. 23-24) a Torre de Vigia publicou este testemunho de um ator que deixou o teatro depois de se converter às Testemunhas: 

"Agora, mais de uma década depois, eu posso dizer honestamente que eu não anseio pelo palco. Eu ainda posso praticar minha arte cada ano, como diretor e ator, nos dramas Bíblicos que as Testemunhas de Jeová apresentam nos Congressos de Distrito ... A diferença é que nós executamos com um motivo melhor. No teatro eu quis ser a estrela, receber adulação. Nestes dramas da Bíblia é a história que importa, não os atores. Assim não há nenhuma competição, nenhum eclipse de atores da mesma categoria". 

Carreira Artística Desencorajada: 

Na Sentinela de 15 de Março de 1981 (pág. 10) a Sociedade publicou este testemunho de um estudante de arte que decidiu não procurar uma carreira artística depois de se unir às Testemunhas: 

"Antes das 1952 eu estudei durante quase quatro anos para ser um artista . O que eu faria? Voltando para Porto Rico, meu desejo de compartilhar o que eu tinha aprendido da Bíblia era até mais forte que meu desejo de ser um artista. Assim, em Agosto de 1952, eu comecei a servir na atividade de pregar em tempo integral como um pioneiro." 

Carreira Musical Desencorajada: 

A Despertai! de 8 de Agosto de 1985 (pp. 16-17) publicou o testemunho de William Mullane que deixou a prestigiada escola Juilliard na Cidade de Nova Iorque depois que ele começou à estudar com as Testemunhas. Ele entrou eventualmente no serviço de Betel, enquanto trabalhando em tempo integral na sede em Brooklyn, Nova Iorque. Trabalhadores de Betel recebem pensão completa e uma "mesada" mensal nominal para comprar suas necessidades. Mullane explica: 

"Depois do período de férias de verão, eu voltei para a escola durante outro semestre. Mas então eu sentia muito diferentemente as coisas. O desejo para desenvolver como um músico não era tão forte quanto tinha sido da outra vez. Eu sabia agora que havia muito mais para a vida, e aquela música já não podia ser o "numero um".

"Eu também me lembro claramente da reação de meu pai à minha decisão. Ele bateu na mesa fortemente e me disse que eu seria expulso de casa se eu deixasse a escola. Mas eu fiz. Dois meses depois eu fui batizado para simbolizar minha dedicação a Deus, e logo depois disso eu entrei no ministério de tempo integral... 

"Eu ainda pratico minha música mas só por uma fração pequena de tempo que eu previamente dedicava a isto... 

"Uma carreira em [música] demanda uma devoção exclusiva. Nisto compete com nosso Criador e no fazer Sua vontade. Música pode ser quase como uma doença... 

"Francamente, eu chego a encarar as instituições musicais como templos de moderna-adoração que exige que as pessoas dediquem suas vidas inteiras com a música. Mas isso é fazer um deus disto, e seguramente isto não tem a aprovação do Criador. Na verdade, música é um presente de Jeová, mas deve ser mantido em seu lugar." 

A Despertai! de 22 de Fevereiro de 1984 (pp. 12-16) publicou o testemunho de uma anterior estrela de baskete libanesa que abandonou os estudos universitários para se tornar um pioneiro de tempo integral. 

A Despertai! de 8 de Dezembro de 1984 (pp. 16-20) publicou o testemunho de Herman Pizzanelli. Ele foi um guitarrista Uruguaio nos anos 60. Depois de se unir às Testemunhas ele cancelou seus contratos, inclusive "uma excursão teatral pela Europa", porque "minha consciência me moveu para o trabalho mais urgente de pregar e outras atividades Cristãs."