Carta de Dissociação - INDICETJ.COM Escandalo sobre Testemunhas de Jeova

Ex-Testemunha de Jeová
publica mais de 1.000 artigos críticos!
Ir para o conteúdo
1
2
3
4
5
6


Ex Superintendente Substituto - Marcelo Félix Silva

Marcelo Félix
Linhares - ES


 
A/C Escritório de Serviço – Betel – Brasil
Referente: Dissociação – Marcelo Félix Silva
 

Esta carta foi escrita com um senso de obrigação para com pessoas que amo sinceramente e explicar os motivos do meu pedido de Dissociação. Esteja certo que as informações apresentadas nesta carta não são dados mentirosos ou meias verdades. Todos os fatos que aqui apresentados existem provas irrefutáveis. Apresento aqui um breve resumo, sobre o que descobri nas minhas pesquisas.
 
Nasci em Santos-SP no dia 18 de Setembro de 1970. Fui batizado em 20 de agosto de 1988.

Dediquei 35 anos da minha vida em aprender e promover a organização das Testemunhas de Jeová.

Servi 3 anos como Salonita no Salão de Assembleias de Ribeirão Pires - SP, 9 anos como pioneiro Regular, 10 anos como pioneiro especial, 7 anos como servo Ministerial, 21 anos como ancião em diversas congregações no Brasil, e 9 anos como superintendente de Circuito Substituto.

Atuei nas chamadas Comissões especiais designadas por Betel para tratar de assuntos judicativos complicados. Cursei escolas especiais da Organização: A Escola de Treinamento Ministerial, Escola de Pioneiro, várias Escolas do Ministério do Reino para Servos Ministeriais e anciãos. Trabalhei em todas as funções dentro de uma típica congregação, desde simples publicador a coordenador do corpo de anciãos. Era orador público em assembleias e congressos.

Digo com toda a sinceridade de coração não mencionei tais “privilégios” para me engradecer, Jeová e Jesus são testemunhas disso. Eles conhecem o meu coração. Por isso, não fiz nada para me aparecer ou ter destaque. Sempre procurei usar “os privilégios” que recebia na organização para louvar a Jeová, beneficiar os irmãos e promover os “interesses do Reino”. Não posso negar que na Organização das Testemunhas de Jeová existem verdades fundamentais que tem base na Bíblia. Não posso negar que existem pessoas sinceras que fazem o seu melhor imaginando estarem agradando a Jeová. Que existem pessoas que são amorosas de coração que procuram seguir o exemplo amoroso de Jesus Cristo. (João 13:35) Na organização fiz muitas boas amizades que sentirei muita falta. O corpo de anciãos e servos Ministeriais da congregação são pessoas muito especiais para mim. Por isso, lamento sinceramente causar decepção por acharem que eu tinha talvez pelo menos alguma qualidade. Lamento a minha saída repentina, gostaria que fosse diferente.

Leia até o final pois acredito que entenderá o motivo da minha Dissociação.

Comecei a ficar preocupado sobre as explicações da Torre de Vigia. O que me preocupou foi a nova explicação que o Corpo Governante deu do texto de Mateus 24:34 sobre esta geração.  Ao fazer pesquisa nas publicações da Torre de Vigia, observei que desde a época do Pastor Charles Taze Russell a explicação oficial do texto já mudou várias vezes. Agora é conhecida por muitos como a geração sobreposta. Uma explicação que vai além do que está escrito. (1 Coríntios 4:6) Em vista do que vi, cheguei a conclusão de seguir o exemplo dos cristãos Bereanos do primeiro século. Paulo tinha dons miraculosos que comprovavam que ele foi escolhido e designado diretamente por Jesus Cristo, como apóstolo para as nações. Mesmo sabendo dos dons miraculosos que comprovavam que Jesus estava apoiando Paulo, os Bereanos  examinavam cuidadosamente as Escrituras, para ver se o que Paulo ensinava era a verdade. (Atos 17:10-12)  Fiquei imaginando se os Bereanos vivessem em nossos dias, será que examinariam os ensinos do Corpo Governante do mesmo modo como examinavam o que Paulo ensinava?  Com certeza a resposta é sim!

No mundo para que haja um julgamento justo o juiz examina as provas quer contra ou a favor e escuta as testemunhas do caso para determinar se uma pessoa será condenada ou absolvida.

Na organização como ancião sempre fui instruído a ouvir os dois lados da história, ouvir as testemunhas dos fatos quer contra ou favor é só depois tomar uma decisão que afetaria o futuro da pessoa. (2 Coríntios 13:1)

Seguindo o exemplo dos cristãos Bereanos comecei a pesquisar as publicações da organização das Testemunha de Jeová desde a época do Pastor Charles Taze Russell até os nossos dias. Além disso, comecei a pesquisar todas as referências citadas nas publicações. Para consultar toda a matéria, foi preciso o uso da internet. Acessei fontes seculares confiáveis na internet que são também usadas pelo Corpo Governante na elaboração de matérias para uso na organização. Também foi fundamental para as minhas pesquisas o Canal Jwr.org no Youtube, que tem vastas informações sobre o mundo das Testemunhas de Jeová.

Na Internet fiquei sabendo da existência de Raymond Victor Franz, que foi membro do Corpo Governante das Testemunhas de Jeová por 9 anos. Também fiquei sabendo da existência do livro Crise de Consciência e o livro Em Busca da Liberdade Cristã escrito por ele. Livros que contam em detalhes como são realizadas as reuniões secretas do Corpo Governante, Como são tomadas a decisões que envolvem vidas. Cartas e documentos que somente o Corpo Governante tinham acesso. Os livros de Raymond  foram bem elaborados embora exponha o outro lado da história não se encontra rancor nas palavras do escritor. Ele tinha habilidade na escrita porque foi escritor de muitas publicações da Torre de Vigia que usamos até hoje.

Encontrei na Internet o livro os Setes tempos dos Gentios Reconsiderados – A cronologia e a volta de Cristo, escrito por  Carl Olof Jonsson – Ancião, de Goteborg, Suécia. Carl era amigo de Raymond.  O livro de Carl apresenta provas irrefutáveis com base na Bíblia, na arqueologia e dados científicos provando que as explicações da Torre de Vigia sobre a ilustração do escravo Fiel e Prudente e do escravo mau é apenas uma ilustração simples. O objetivo da ilustração de Jesus Cristo é destacar qualidades Cristãs e não de uma classe que dominaria a fé de outros.(Mateus 24:45-48)

Sinceramente fiquei tremendamente decepcionado ao seguir o conselho encontrado em 1 João 4:1: Amados, não acreditem em toda declaração inspirada, *  + mas ponham à prova as declarações inspiradas* para ver se elas se originam de Deus,+ pois muitos falsos profetas saíram pelo mundo afora.+

Coloquei a prova muitas das declarações da Torre de Vigia. Assim como milhões de pessoas já fizeram, analisei os dois lados da história. Descobri que fui enganado e estava enganando e prejudicando a vida de pessoas inocentes.

Veja a seguir pessoas próximas de mim que foram prejudicadas pelos ensinos da Torre de Vigia.

O primeiro exemplo de uma pessoa inocente que foi prejudicada pela interpretação errada do Corpo Governante foi a minha primeira esposa.

Em 1996 estávamos servindo onde havia mais necessidade conforme a recomendação da organização e tínhamos em mente com base nas publicações que o Armagedom era iminente. O que ganhávamos para o sustento era insuficiente para pagarmos o aluguel, termos uma alimentação saudável, gastar com longas viagens para assembleias e Congressos e outras despesas pessoais.

Devido não nos alimentarmos de modo ideal, a minha esposa ficou doente e foi diagnosticada com Leucemia Mieloide Aguda. Infelizmente vi a minha esposa pálida e agonizando num leito de um hospital com falta de ar devido a falta de Glóbulos Vermelhos.

Embora tenha passado 23 anos que vi seu falecimento, ainda tenho pesadelos devido as cenas fortes que observei. Cenas fortes de uma pessoa amada e inocente morrendo agonizando.

Com certeza as cenas que observei não está em harmonia com um Deus de amor o Dador da vida. Mas está em harmonia com aquele que tem os meios de causar a morte, o Diabo.  (1João 4:8; Hebreus 2:14)

Por conhecer o outro lado da história, posso afirmar agora que minha esposa não precisaria passar por todo aquele sofrimento. Ela faleceu devido estarmos obedecendo um incentivo da organização de fazermos sacrifícios para servir onde havia necessidade porque o fim do sistema era iminente. Ela faleceu devido uma interpretação antibíblica feita pelo Corpo Governante. O próprio Raymond expôs com provas Bíblicas e científicas irrefutáveis os erros e contradições na Interpretação do Corpo Governante sobre a questão do Sangue. (Em Busca da Liberdade Cristã - capítulo 9)

Minha mãe é o segundo exemplo de uma pessoa amada e inocente que foi prejudicada por uma regra antibíblica.

Minha mãe serviu como pioneira regular por cerca de 20 anos. Durante todos estes anos a média mensal da atividade dela era 90 horas. Ela amava o serviço de pioneiro. Sempre dizia com um sorriso estampado no rosto que o serviço de pioneiro era a vida dela.

Em 2004, ela tinha 75 anos de idade. Infelizmente ficou doente devido estar se esforçando na pregação. Durante muitos meses não estava conseguindo cumprir o requisito de horas estipulado pela regra antibíblica do Corpo Governante. Ela faleceu de ataque cardíaco no mesmo momento quando recebeu a informação por meio de dois anciãos que ela não seria mais pioneira regular. Teria a minha mãe falecido se não existisse a regra antibíblica do Corpo Governante? Tenho certeza que não!

Os dois exemplos mencionados ilustram uma pequena parte da enorme culpa de sangue sobre as cabeças dos membros do Corpo Governante. Poderia relatar outros exemplos de pessoas que conheci que foram prejudicadas pelos ditames da Torre de Vigia.

Sobre os dois exemplos que mencionei existem muitos na organização e fora dela que podem comprovar que estou dizendo a verdade. Se duvidar posso passar os números de telefone das testemunhas.

O seguinte ditado é verdadeiro: “Na era da informação, a ignorância é uma escolha.”

Tenho observado que milhares de Testemunhas de Jeová ao redor do mundo por pesquisarem nos mesmos sites seculares usados pelo Corpo Governante e em outros sites de ex-Testemunhas de Jeová tem aberto os olhos e descoberto a verdade sobre a “verdade da organização”.

Conforme é evidente nas publicações da Torre de Vigia, o Corpo Governante deixa transparecer o grande medo de que as Testemunhas de Jeová pesquisem a internet e descubram a verdade sobre a “verdade ensinada pela organização”. Uma forma para colocar medo nas Testemunhas de Jeová é demonizar aqueles que expõem os seus graves erros. Como a Torre de Vigia não possui argumentos irrefutáveis para todos os assuntos e responder as muitas críticas, o jeito é atacar as pessoas não os argumentos.

O pior inimigo dos falsos profetas sempre foi o tempo. Agora os piores inimigos dos falsos profetas são o tempo e a internet. Um trocadilho muito citado entre Ex-Testemunhas de Jeová é: “Vocês conhecerão a  verdade (Internet), e a verdade (internet) os libertará.” (João 8:32)  Muitas Ex-Testemunhas de Jeová descobriram a verdade sobre “a verdade” através da Internet.

Como por exemplo sobre a Corte Real Australiana, onde um membro do corpo Governante e outros anciãos influentes foram convidados para explicar para as autoridades porque ocultaram durante muitos anos milhares de casos de abusos sexual de crianças dentro das congregações das Testemunhas de Jeová. Relatos no mundo mostram que as Testemunhas de Jeová estão pagando milhões de dólares em processos judiciais nos casos de pedofilia com o dinheiro contribuído para Jeová.

Além disso, existem na Internet documentos autênticos de autoridades dos governos que provam a hipocrisia da Torre de Vigia em aceitar dinheiro sujo de empresas que promovem as Guerras, fabricação de cigarro, produção de filmes para adultos e que ela esteve associada secretamente com a ONU durante anos.

Por outro lado é triste ver que Corpo Governante não demonstra empatia em algumas decisões.

Homens que tem uma vida Luxuosa em Warwich. E em algumas situações, eles tratam de modo desumano as Testemunhas de Jeová em países de extrema pobreza. Como exemplo, no congresso O Amor Nunca Acaba foi mostrado um vídeo em que pessoas idosas, crianças e outros com limitações físicas andaram muitos quilômetros a pé para assistir a um congresso. Um fato interessante é que o Corpo Governante sempre fica em Hotéis de primeira classe, comem nos melhores restaurantes do mundo, bebem as bebidas mais caras, viajam de avião em primeira classe e quem paga a conta são aqueles que vão a pé para os congressos e não tem o suficiente para comer.

Eles são homens totalmente diferentes daquele que dizem representar. Jesus era pobre e disse que não tinha onde deitar a cabeça. (Mateus 8:20).

Afirmo com plena certeza que apesar do que passei e vi nas minhas pesquisas sobre a Torre de Vigia, o Diabo não conseguiu destruir a minha fé em Jeová e em Jesus Cristo. (João 14:1)

Mesmo pesquisando a Internet não perdi a fé que a Bíblia é a Palavra inspirada e infalível de Jeová. (2 Timóteo 3:16).

Mas perdi a fé nos homens do Corpo Governante que ensinam que o amor nunca acaba, mas que matam sutilmente pessoas inocentes com doutrinas e regras assassinas.

Ainda bem que Jesus avisou de antemão sobre o aparecimento de falsos Cristos (ungidos) e falsos profetas no tempo do fim. É muito interessante o aviso de Jesus em usar as palavras falsos Cristos ou falsos ungidos.

A religião que mais usa a palavra Ungidos para dar destaque a homens imperfeitos são as Testemunhas de Jeová. A autoproclamada posição de ungidos do Corpo Governante, junto com suas interpretações erradas da Bíblia e profecias falsas que falharam no passado, provam a veracidade que Jeová e Jesus não falam por meio deles. (Mateus 24:23-25; Deuteronômio 18:20-22)

Cheguei à conclusão que as palavras de Pedro e dos outros apóstolos dirigidas ao Sinédrio Judaico do primeiro século são verdadeiras e apropriadas no meu caso que diz: Pedro e os outros apóstolos responderam: “Temos de obedecer a Deus como governante em vez de a homens. (Atos 5:29)

Aos membros da Comissão Judicativa que analisarão esta Carta de Dissociação informo que não comparecerei a uma audiência para explicar os meus motivos referente ao pedido de Dissociação. Acredito que os meus motivos já foram aqui bem explicados.

Adoeci devido a grande decepção e pressão psicológica. Por isso, não desejo aumentar o meu trauma emocional e agravar meu problema de saúde.

Caso o Corpo Governante deseje refutar os argumentos apresentados nesta carta e nos apresentados nos Livros de Raymond Victor Franz e Carl Olof Jonsson, podem ficar à vontade.

Mas pelo que já conheço esta carta será mais uma dentre as centenas de milhares de cartas que o Corpo Governante não responde evidenciando que são incapazes de responder com argumentos verdadeiros, lógicos e sem ir além do que está escrito. (1 Coríntios 4:6)

Em vista do mencionado acima e por outros motivos não mencionados, minha consciência não permite continuar ensinando erros doutrinais e regras antibíblicas que foram elaborados por homens imperfeitos, que usurpam o lugar de Jeová e de Jesus Cristo e prejudicam a vida de pessoas inocentes.

Não quero continuar sendo seguidor de homens. Não quero ter culpa de sangue por enganar pessoas inocentes. Por isso, a partir do dia 2 de agosto de 2019, não me considero mais uma Testemunha de Jeová.

Fiquem à vontade para anunciar que não sou mais Testemunha de Jeová.

Incentivo de coração que todos conheçam os dois lados da história sobre a Torre de Vigia.

Não sigam cegamente homens que cometeram erros e cometem erros, seja como os Bereanos, pesquisem para ver se falam a verdade. (Atos 17:10-12; 1 João 4:1)

Continuarei aplicando na vida os princípios cristãos de amor a Jeová, a Jesus e ao próximo.

Atenciosamente,

Marcelo Félix Silva
 


Cópias:  Escritório de Serviço – Betel – Brasil, Superintendente de Circuito – ES 006 e Corpo de anciãos da congregação.
LIBERTOS!
Participe! Envie seu artigo para indicetj@yahoo.com
O INDICETJ.COM não comercializa publicações, filmes ou qualquer outro tipo de arquivo.

Voltar para o conteúdo